Fototeca Municipal de Lagos conta já com cerca de 60 mil visitas

A plataforma online da Fototeca Municipal de Lagos encontra-se muito perto de atingir as 60 mil visitas e aproveita este“marco” para recordar as linhas gerais deste projecto, que tem como principal objectivo perpetuar a memória e identidade da comunidade lacobrigense e do seu património.

cardapio.pt @ 17-2-2014 11:04:51

Iniciada em maio de 2011 e apresentada publicamente em Novembro desse ano, a plataforma online da Fototeca da Câmara Municipal de Lagos conta, actualmente, com 952 fotos inseridas, estando já a maioria delas complementadas com textos.

A fototeca online, à qual qualquer interessado pode aceder através do sítio da autarquia em www.cm-lagos.pt, é a face mais mediática do projecto “Fototeca Municipal” que tem por objectivos gerais: preservar o património fotográfico municipal e divulgar a memória visual local (permitindo um melhor conhecimento sobre a realidade histórica e actual e promovendo uma melhor compreensão das alterações operadas ao longo do tempo); responder às solicitações de consulta e cedência de imagens para fins académicos, de divulgação e promoção colocadas por investigadores, estudantes, órgãos de comunicação social, operadores turísticos, agências de comunicação, entre outros interessados. Por outro lado, pretende, igualmente, incentivar a partilha de imagens do património local (natural, equipamentos, eventos mais significativos) promovendo Lagos nos seus vários aspectos, particularmente enquanto destino turístico.

Quanto ao seu conteúdo, este é composto por fotografias e postais ilustrados contemporâneos e antigos (de que o município detenha os direitos ou as necessárias autorizações), incidindo sobre temáticas relacionadas com paisagens naturais e urbanas, património edificado, monumentos e imagens ex-líbris da cidade e do concelho, imagens genéricas (planos gerais) dos eventos mais característicos e importantes, visando a sua disponibilização gratuita ao público em formato de baixa resolução.

A participação dos munícipes na interpretação das imagens antigas – que sem uma legenda não passam de memórias latentes -, constitui-se como factor importante na construção da memória colectiva que tem no património imagético um valioso instrumento de trabalho. Por esse motivo, a Câmara Municipal de Lagos volta a convidar os munícipes a partilhar as suas imagens e a transmitir os seus conhecimentos sobre outras mais.

cardapio.pt @ 17-2-2014 11:04:51


Clique aqui para ver mais sobre: Fotografia