27/5/2019 a 27/5/2019 Júlia Holter em Guimarães

A cantora, compositora e multi-instrumentista norte-americana Julia Holter regressa ao Centro Cultural Vila Flor, em Guimarães, no próximo dia 27 de maio para apresentar o seu mais recente disco, "Aviary".

cardapio.pt @ 22-5-2019 17:06:39

Julia Holter ©Dicky Bahto

Julia Holter ©Dicky Bahto

Julia Shammas Holter (nascida a 18 de dezembro de 1984) é uma cantora, compositora, produtora e artista americana, residente em Los Angeles. Quando, em 2012, passou pela primeira vez pelo CCVF, a cantora, compositora e multi-instrumentista tinha apenas um par de álbuns editados e era pouco mais do que um segredo. À explosão de reconhecimento que se seguiu a Have You In My Wilderness (2015), o trabalho em que mais claramente flirtou com a pop, a compositora respondeu com um regresso ao território mais abstrato e contemplativo que era já o de Ekstasis, o disco que motivou a sua primeira visita, e que agora atinge a maturidade em Aviary. Na sua última presença em Guimarães, no âmbito da 6ª edição do Westway LAB, Julia Holter acompanhou o músico Tashi Wada, cujo universo cruza música antiga, psicadélica e minimalista e instrumentos que vão de gaitas-de-foles a sintetizadores.
 
O seu mais recente trabalho, Aviary, com que se apresenta no Grande Auditório do CCVF a 27 de maio, às 21h30, foi lançado em outubro passado. De certo modo, este novo álbum de Julia Holter começou com uma pergunta. A artista de 33 anos tropeçou numa intrigante questão num romance do escritor e pintor libanês-americano Etel Adnan, que por sua vez parafraseava o filósofo alemão Friedrich Hölderlin: “Para que servem os poetas nestes tempos indigentes?”. Isso ressoou em Holter, que estaria a lutar para descobrir como fazer um trabalho significativo numa era de crise. Mas também é possível dizer-se que Aviary começou de forma mais simples, com Julia Holter sentada em frente dos seus sintetizadores com um microfone e simplesmente tocando até perder a noção do tempo. Improvisando e sabendo que poderia trabalhar aprofundadamente mais tarde, a artista concentrou os seus esforços apenas em gravar tudo, fazer perguntas sem respostas e encontrar respostas para perguntas que ela ainda nem tinha começado a fazer. Este álbum acabou por resultar num encontro entre estas duas abordagens, e logo ganhou vida quando ela começou a moldar as suas improvisações em composições mais completas, em colaboração com cúmplices de longa data como Kenny Gilmore e Cole MGN.
 
Recuando um pouco para um breve raio x ao seu percurso: o seu primeiro álbum de estúdio, Tragedy, foi lançado em agosto de 2011. Inspirado na peça grega Hippolytus, de Euripides, recebeu críticas favoráveis ​​e foi eleito um dos "Best Outer Sound Albums of 2011" da NPR. Em março de 2012, lançou o segundo disco, Ekstasis, uma coleção de canções escritas ao longo de três anos em Los Angeles, Califórnia. Em cada música deste álbum, há uma história e abordagem única, mas estão todas unidas pelo magnetismo dos manuscritos medievais e o desejo de Holter “de sair fora do meu corpo e descobrir o que eu não posso definir”. A aproximação de Holter à conceção das músicas de Ekstasis centrou-se em torno daquilo que esta descreve como “decisões de ouvidos abertos: o que pareceu soar melhor num determinado momento”. Além de colaborar com outros músicos sedeados na Califórnia, como Nite Jewel (Ramona Gonzalez), Holter lançou o seu terceiro álbum (Loud City Song) com um conjunto de músicos em agosto de 2013, contrariando o sucedido nos primeiros dois trabalhos, concebidos sobretudo sozinha no seu quarto. Em 2015, lançou o seu quarto álbum, Have You in My Wilderness, que se tornou o seu lançamento mais bem-sucedido até hoje. Em setembro do ano passado, Julia Holter anunciou o seu sexto álbum editado comercialmente, Aviary, e lançou o primeiro single I Shall Love 2. A este, seguiu-se ainda outro single, Words I Heard, antes da apresentação do álbum a 26 de outubro.
 
Os bilhetes para o concerto de Julia Holter em Guimarães estão disponíveis pelo valor de 15 euros ou 12,5 euros com desconto.



Informações

Data: 27 de maio de 2019

Local: Centro Cultural Vila Flor, Guimarães

Horário: 21h30

Preço: 15 euros

cardapio.pt @ 22-5-2019 17:06:39