27/11/2020 a 27/11/2020 Kel Assouf - Rock do deserto aquece o outono no CIAJG - Guimarães

É entre África e a Europa que se constrói o som de Kel Assouf, a banda com raízes no Níger e baseada na Bélgica que encerra o segundo ano de programação do ciclo de músicas do mundo Terra no próximo dia 27 de novembro, às 19h30, no Centro Internacional das Artes José de Guimarães (CIAJG). 

cardapio.pt @ 24-11-2020 12:41:24

Kel Assouf, que significa "nostalgia" e "filho da eternidade" em Tamashek, a língua dos nómadas do Saara, é uma banda criada por Anana Harouna em 2006, quando se estabeleceu na Bélgica – depois de um longo exílio na Líbia após ter deixado o Níger, onde nasceu, durante a rebelião tuaregue do início dos anos 1990. 

Harouna, que chegou a tocar com os Tinariwen, banda fundamental do rock do deserto, recria a tradição das guitarras tuaregues a partir da Bélgica, onde tem explorado vários estilos e fórmulas, reunindo músicos de países africanos e europeus. Gravou já três álbuns, que vão da tradição ao rock puro e duro. O mais recente, Black Tenere, saiu em 2019 e é o mote para o concerto em Guimarães onde Harouna é acompanhado por Olivier Penu, na percussão, e Djakrave Dia, baixista com quem colaborou nos seus primeiros anos na Europa e que, mais recentemente, passou a integrar a banda que acompanha habitualmente Bombino, outro dos nomes grandes do rock tuaregue. 

O concerto de Kel Assouf em Guimarães está marcado para o dia 27 de novembro, às 19h30, um horário adaptado às atuais restrições ao funcionamento dos equipamentos culturais devido à situação sanitária, cujas normas atuais implicam também uma redução na lotação da Black Box CIAJG, entre os vários procedimentos de higiene e segurança que são escrupulosamente cumpridos. 


Tendo em conta as limitações impostas pela pandemia, os espectadores são obrigados a usar máscara ao longo de todo o concerto. Por isso, na compra de um bilhete para o Terra 2020 será oferecida uma máscara com design exclusivo. Os ingressos, com o valor de 10 euros ou 7,5 euros com desconto, já podem ser adquiridos online em www.aoficina.pt ou nas bilheteiras da cooperativa A Oficina, concretamente no Centro Cultural Vila Flor, Centro Internacional das Artes José de Guimarães, Casa da Memória de Guimarães e Loja Oficina, bem como nas lojas Fnac, Worten e El Corte Inglés.  

Esta é a terceira proposta de 2020 do ciclo de músicas do mundo Terra, depois da estreia da programação deste ano no passado dia 18 de setembro com o concerto da lenda-viva do Funaná de Cabo Verde, Julinho da Concertina, e do memorável concerto dos galegos Baiuca a 2 de outubro. O ciclo Terra é uma organização da Capivara Azul – Associação Cultural, com o apoio do Município de Guimarães e da Direção-Regional de Cultura do Norte, com coprodução da cooperativa A Oficina, entidade gestora do Centro Internacional das Artes José de Guimarães. 

cardapio.pt @ 24-11-2020 12:41:24


Clique aqui para ver mais sobre: Música