Kitch: A cozinha virtual que quer levar os restaurantes favoritos a casa dos Lisboetas

Kitch, a cozinha virtual fundada por Rui Bento e Nuno Rodrigues, responsáveis pelo lançamento da tecnológica Uber em Portugal, começou a cozinhar em Lisboa. A startup tem como missão permitir que os Lisboetas tenham a comida dos seus restaurantes favoritos nas mesas das suas casas, e possibilitar que estes restaurantes sirvam os Lisboetas a partir de cozinhas especialmente desenhadas para o serviço de entrega de comida.

cardapio.pt @ 13-5-2020 19:16:41

“Cada vez mais encomendamos comida para casa. É fácil, é conveniente, e são cada vez mais os restaurantes disponíveis. Mas nem tudo é perfeito. Muitos dos nossos restaurantes favoritos continuam a não conseguir chegar à mesa da nossa sala. E a maioria dos restaurantes não conceberam a sua comida para viajar pela cidade dentro de uma mochila numa mota”, explica Rui Bento, co-fundador e CEO da Kitch. E é precisamente aqui que entra a Kitch. “Somos uma cozinha. Não somos uma aplicação de entregas, e não somos um restaurante. Somos uma cozinha distribuída pela cidade que reúne os restaurantes preferidos e os chefs mais criativos. Uma cozinha onde tudo é pensado de raiz para a experiência de encomendar e comer em casa ”, continua Rui Bento.

Para atingir o objetivo de ligar as pessoas da cidade aos seus restaurantes favoritos nas suas casas, e com uma experiência gastronómica à altura, a Kitch, que conta já com uma equipa de onze pessoas em áreas tão diversas como engenharia, marketing e operações, está a lançar as suas cozinhas pela cidade. As cozinhas Kitch são uma comunidade de restaurantes e chefs criteriosamente escolhidos. A Kitch trabalha com os restaurantes para criar conceitos desenhados para serem consumidos em casa das pessoas - desde os ingredientes, passando pelas receitas, até às embalagens.


A Kitch já começou a cozinhar para os Lisboetas, juntando na sua comunidade restaurantes como o Pistola y Corazón a popular taqueria do Cais-do-Sodré que chega ao mundo de entregas em casa com o conceito Las Gringas; o GoJuu, que traz para o mundo digital o seu sushi tradicional através da marca GoJuu Go e, pela primeira vez de forma permamente, o seu rámen através do Tonkotsu Rámen; o Nómada que, através da marca UMIKAI, leva a casa das pessoas pokés, temakis e uma seleção de sushi de fusão; a Marlene Vieira , uma das chefs Portuguesas mais populares, conhecida por dominar e reinventar a cozinha tradicional portuguesa; ou a Musa , a marca de cerveja independente que tem com a Kitch uma loja para entrega em casa.

Os restaurantes Kitch estão disponíveis através de aplicações de entrega como o UberEats. Todos os restaurantes associados à Kitch têm os seus nomes terminados “+ Kitch” no seu nome, tornando-os fáceis de procurar e de identificar. Para mais informações sobre quais os restaurantes disponíveis e como encomendar, é possível consultar o sítio da empresa em www.eatkitch.com.

Apesar da forte ligação à comida, a startup portuguesa define-se como uma empresa tecnológica. “Deixamos a comida para quem a sabe fazer melhor: os restuarantes preferidos da cidade. O nosso trabalho é identificá-los e trazê-los para a nossa comunidade, e dar-lhes a infraestrutura e a tecnologia para que possam melhor servir todas as pessoas da cidade nas suas casas”, diz Rui Bento.

Ao longo dos próximos meses, a Kitch irá instalar novas cozinhas virtuais pela cidade, e dará em breve a conhecer o novos restaurantes e chefs que irão integrar a sua comunidade, mantendo as suas portas abertas a projetos e talento que inovem as experiências gastronómicas em Portugal. A Kitch aproveita para partilhar que em breve organizará um jantar de inauguração, o Open Kitch. Um jantar que, pela natureza da Kitch e dado o momento que vivemos hoje, será servido em casa das pessoas. Serão conhecidos mais detalhes sobre como participar nos perfis das redes sociais da empresa ao longo dos próximos dias.

cardapio.pt @ 13-5-2020 19:16:41


Clique aqui para ver mais sobre: Notícias sobre Restaurantes