15/6/2019 a 16/6/2019 "Simplex" - Ópera Cómica Multimédia estreia no Porto

O Quarteto Contratempus estreia o espectáculo "Simplex", uma ópera cómica multimédia que relaciona um projecto de cenografia digital interativa com os intérpretes, nos dias 15 e 16 de junho no Teatro do Campo Alegre, no Porto. 

cardapio.pt @ 11-6-2019 17:41:19

Uma encenação de António Durães, com libreto de Carlos Tê e José Topa e co-produzida pelo Quarteto Contratempus/Teatro Municipal do Porto, que leva o espectador até à recôndita Vila Velha do Pinheiro, cuja Junta decide implantar métodos revolucionários e múltiplos avanços tecnológicos.

Sinopse:
Repórter Geneviève chega a Vila Velha do Pinheiro a meio do discurso fúnebre do presidente da junta, Amadeu Sobral – uma homenagem a uma personalidade local. A repórter aborda o presidente sobre os métodos revolucionários da junta – simplex. O autarca explica as virtualidades implantadas por ele, tão avançadas em termos tecnológicos para tão recôndita vila portuguesa. Tudo se deve à vinda de B Jobs, um americano que se rendeu aos encantos da serra e é adviser do presidente em todo o género de startups rurais e quejandos. O presidente convida a jornalista a conhecer a terra e os planos da autarquia. Geneviève vai-se rendendo aos encantos de V V do Pinheiro e a outros, que o coração não é de pedra. Telefonemas inoportunos, televisões avariadas, Cupidos confluem para uma cerimónia final. Viva o amor, viva o avanço tecnológico, viva Vila Velha do Pinheiro! 

O Quarteto Contratempus é um grupo de Música de Câmara Contemporânea. Fundado em 2008 pelos músicos Teresa Nunes (Soprano), Crispim Luz (Clarinete), Susana Lima (Violoncelo) e Brenda Vidal Hermida (Piano) no contexto académico da ESMAE (Porto), dedica-se desde 2014 à produção de Óperas de Câmara em língua portuguesa. ´

Nesta Ópera Cómica Multimédia Interativa a manipulação de câmaras deteta os movimentos dos intérpretes e relaciona-os com a cenografia mapeada, a partir de um projeto de ilustração que será animado e mapeado em cena.


Ficha técnica

Libreto: Carlos Tê e José Topa

Composição: Telmo Marques

Encenação: António Durães

Intérpretes: Teresa Nunes (soprano), Miguel Leitão (tenor), Crispim Luz (clarinetista)

Susana Lima (violoncelista), Sérgio de A. (pianista)

Desenho de Luz: Mariana Figueroa

Projeto de Ilustração: Sara Feio

Animação e Mapeamento da Cenografia digital: Hugo Mesquita 

Figurinista:  Rita Sá

Construção de Estruturas Cénicas: Américo Castanheira I TUDO FAÇO

Produção: Carlos Pinto

Uma Produção Quarteto Contratempus 2019; Coprodução Teatro Municipal do Porto.

cardapio.pt @ 11-6-2019 17:41:19