Re’tasco: carnes maturadas e gastronomia portuguesa no coração de Lisboa

Na Zona Norte de Lisboa, a freguesia de Benfica, com as suas lojas, escritórios e habitações - onde ainda há vida de bairro à antiga - nasceu o Re’tasco, um restaurante dedicado à gastronomia portuguesa com ênfase em cortes premium e carnes maturadas.

cardapio.pt @ 4-5-2022 16:52:28

Chef Filipe Marques ©Maria Mattos

Chef Filipe Marques ©Maria Mattos

Como o próprio nome indica, o espaço é um “remake” de uma tradicional tasca, em ambiente elegante e acolhedor, com releituras de pratos típicos da culinária lusitana, acrescida de uma experiência singular pelas melhores proteínas animais de diversas partes do planeta. Situado numa zona mais sossegada do bairro, o acolhedor restaurante, com capacidade para 120 pessoas, entre o amplo e iluminado salão decorado com mobiliário confortável em tons claros, existe uma espaçosa esplanada e até uma sala para receber grupos de 25 pessoas, foi pensado para que o cliente se sinta verdadeiramente em casa. Os mentores desta inovadora empreitada são o casal multifacetado Filipe Marques, 36 anos, à frente da gestão e do menu; e Vanessa Marques, 35 anos, responsável pela parte da doçaria, ambos com mais de 14 anos de experiência no mercado de restauração, catering e hotelaria. “Abrir um restaurante de comida portuguesa reinventada com o componente das carnes e dos vinhos era um sonho antigo. Pensamos em cada pormenor, do cardápio à leveza da decoração, passando pelo atendimento de qualidade, tudo para oferecer uma experiência inesquecível do início ao fim”, conta o chef e sócio Filipe. “Nossa ambição é ser um lugar de destino, de clientela fidelizada, para comer sem pressa”, reforça.

Bochechas de porco preto ©Maria Mattos

Bochechas de porco preto ©Maria Mattos

É exatamente esta viagem gastronómica que o cliente encontra ao entrar no Re’tasco. Destaque para o cenário que celebra o universo do vinho - com garrafas, rolhas, barris e caixas - e até uma câmara de maturação, de onde se pode observar as peças de carne com seu belo marmoreio, os clientes podem provar e aprovar receitas preparadas com dedicação e muito bem empratadas. Comece pelo delicioso couvert, que pode conter um saquinho de pão variado (2,45€), patê de favas com chouriço Moura (2,50€) e manteigas feitas na casa, como a de azeitonas e a que tem base de chouriço (1€). Depois, a ementa traz sugestões de entradas como os irresistíveis croquetes de polvo com maionese de tinta de choco (8€, quatro unidades) e o lingueirão à bulhão pato (13,50€). Diretamente do mar, a delicada trouxa de gambas com esfarrapado de courgette (abobrinha italiana) e cenoura em massa filo (15,90€) é um dos pratos mais pedidos. Para quem não dispensa um bacalhau, a escolha certeira é o saboroso pescado assado à lasca, acompanhado de puré de favas e batatinhas a murro (15,90 €).


Croquetes de polvo ©Maria Mattos

Croquetes de polvo ©Maria Mattos

Preparadas no carvão, as carnes de vaca oriundas de países como Argentina, Uruguai, Dinamarca (com cortes premium da Swami Beef, laureada com medalha de ouro no World Steak Challenge 2021), Japão e Brasil merecem cada mordida. É o caso da picanha da raça japonesa Wagyu com mil-folhas de batata gratinada (26€), e do nobre Wagyu Kagoshima Steak (150 gramas), servido com batata à moda da casa e tiborna de grelos (89€). Na parte das maturadas, há iguarias como tomahawk de vitela maturado com batata e tibornas de grelos (72€) e, com as mesmas guarnições, o suculento t-bone de quase 1 quilo (65€). Para partilhar, a sugestão é a rapsódia de carnes (2 quilos), que desmancham à boca (145€, para quatro pessoas). “Queria acabar com o mito de que comer uma carne do Japão, por exemplo, era um ato inalcançável. Por isso, apostamos neste elemento surpresa, com uma seleção de cortes para convidar e abranger todos os públicos e bolsos. Havia uma alta demanda e pouca oferta em Lisboa. As pessoas vêm e querem voltar para experimentar mais”, explica Filipe.

Risoto de camarão Tigre  ©Maria Mattos

Risoto de camarão Tigre ©Maria Mattos

Engana-se quem pensa, no entanto, que os vegetarianos não têm lugar. Em alternativa à proteína animal, há três criações especiais. São o risoto de cogumelo com tofu salteado (11,50€), o hambúrguer de soja e beterraba grelhado com batata e salada mediterrânea (11€) e, para os veganos, cesto de massa filo com ratatouille de legumes e seitan (11,80€). Para harmonizar as escolhas, a detalhada carta de vinhos é um capítulo à parte. São cerca de 200 rótulos da garrafeira nacional, com variedades do Douro, Dão, Alentejo, Setúbal, Algarve, Lisboa e outras regiões. “Tem um bocadinho de tudo e de todos os lugares. Portugal tem milhares de rótulos excelentes e que não deixam nada a desejar a outro país. Acabamos por apostar então numa experiência com o que existe de melhor aqui”, conta Filipe. Por lá, além das opções em copo e das sangrias, as garrafas custam de 12,50€ a 900€ (preço do aclamado Casa Ferreirinha Barca Velha 2011, um ícone do Douro). A diversificada lista inclui ainda os afamados alentejanos Herdade dos Grous (19€), Pêra Manca (498€) e opções para acompanhar as sobremesas.


Tranche de Pregado  ©Maria Mattos

Tranche de Pregado ©Maria Mattos

Aliás, poucas cozinhas dispensam a mesma atenção aos pratos salgados e aos doces. A do Re’tasco, portanto, é uma feliz exceção. Doceira de mão cheia, a chef e sócia Vanessa Marques confecciona delícias açucaradas como o irreparável arroz de sushi em caramelo de manteiga e crumble de pistácio (6,90€), o carro-chefe da seção, e o pudim abade de priscos em carpaccio de abacaxi com redução de tomate e manga (4,90€), outro hit da ementa. Elaborada com gordura de jamón ibérico em vez de toucinho, para conferir notas mais amadeiradas e mais intensidade, e vinho do Porto Branco, para ficar com coloração amarelo mais vivo, a receita foi a responsável por emplacar Filipe Marques entre o seleto time de cozinheiros da primeira edição do MasterChef Portugal, em 2014. Outro clássico para um final feliz são as farófias de antigamente (4,90€). Uma delícia intemporal.

cardapio.pt @ 4-5-2022 16:52:28


Clique aqui para ver mais sobre: Notícias sobre Restaurantes