Kenia Liranzo encena tráfico de mulheres

 A Casa da América Latina (CAL) e da Fundação José Saramago apresentam dia 8 de Março, às 18.30h na Fundação Saramago, O Retorno. Produzida e encenada por Hernando Téllez e Kenia Liranzo (que é também a autora e a intérprete da obra) a peça é composta por três monólogos em língua espanhola. Esta aborda casos de tráfico de mulheres no Brasil e na República Dominicana (país de origem da actriz), países cujas taxas de incidência deste crime são das mais elevadas, segundo a ONU.

cardapio.pt @ 25-2-2014 11:44:43

Os elementos cenográficos são da autoria de Hernando Téllez que terá, ainda uma participação especial como jornalista na peça.

As histórias contam a vida de mulheres enganadas com promessas de trabalho, que acabam por ser obrigadas a prostituir-se. Com O Retorno a autora pretende sensibilizar o público para o tema do tráfico de pessoas e a impunidade dos criminosos.
Actriz e cantora popular da República Dominicana, Kenia Liranzo é actualmente Ministra Conselheira de Cultura da Embaixada da República Dominicana em Portugal. Como advogada e diplomata, Kenia trabalhou com vítimas deste crime, actuando como Encarregada dos assuntos Jurídicos da sua embaixada. Criou a Compañia de Arte Caribe com Hernando Téllez, arquitecto, actor, artista plástico e encenador colombiano, que em Julho de 2013 expôs um conjunto de obras de pintura, sob o título Pasión Caribe, na CAL.

O trabalho que agora se pode ver em Lisboa resulta de uma pesquisa científica de Kenia Liranzo, no âmbito da sua especialização em Relações Internacionais na Universidade de Brasília.


Entrada livre sujeita a lotação da sala, reservas até dia 6 de Março para reservas@casamericalatina.pt / 213 947 350.
Duração: 50’

cardapio.pt @ 25-2-2014 11:44:43