História do Canhão I

História sobre o restaurante

Nascido em Sesimbra no mês de Maio do Ano 1986    “O Canhão”, começou como um simples Snack-Bar onde eram servidos alguns pratos da típica Gastronomia Portuguesa.

Sempre com um ambiente profissional mas familiar, com o gosto pela cozinha tradicional e na firmeza de bem servir foi-se alterando para um melhor aperfeiçoamento e requinte na elaboração de pratos confeccionados ao momento tanto cozinhados como grelhados.

Pela mão dos seus proprietários Daniel e Albertina Piedade, com o decorrer dos anos e com o bem servir é hoje um restaurante que está virado para uma clientela de qualidade tanto nacional como estrangeira.

Gerido por Daniel Piedade e com a excelente ajuda da Chefe Albertina Piedade se foram aperfeiçoando e se especializaram nas diversas técnicas de confecção, onde são efectuadas algumas das boas especialidades portuguesas tais como:

Caldeirada Especial; Massada de Cherne ou de Garoupa; Cataplana de Tamboril; Cataplana de Cherne ou de Mariscos vários; a boa Açorda de Camarão, o Peixe no Sal (Robalo ou Dourada do Mar); os Chocos á “Pé Descalço”; o Tamboril com molho de Lavagante; o Arroz do Mar que é um Misto de Tamboril com Mariscos descascados; e tantos outros servidos no dia a dia neste local de bom nome e bom acolher.

Representante de vários eventos gastronómicos em Portugal e em Espanha (Semanas Gastronómicas Mediterrâneas).

Representou Portugal no Mundial de Sommeliers, realizado em Santander (Espanha) em 2010, onde obteve o 4º Lugar.

Galeria de fotos