"Com Que Voz" de Amália chega às lojas em vinil, numa reedição fac-similada da original

"Com Que Voz" chega agora às lojas em vinil, uma reedição fac-similada do original de 1970, juntando-se assim às edições já existentes em CD e formato digital.

cardapio.pt @ 14-11-2019 18:02:44

«Ouvi sempre, aos que mais conhecimento e bom gosto tinham para o dizer, que “o melhor disco português de sempre é o Com que Voz.” E mesmo a expressão “tudo é relativo…”, quase sempre ouvida depois da atribuição de pódios similares, só vem lembrar, numa espécie de contradição de si mesma, que os valores absolutos afinal sempre existem. O lugar cimeiro de Com que Voz entre os discos nacionais é um deles. Posso parecer redundante, mas nunca será demais afirmá-lo: em Portugal nunca um cantor do nível vocal e interpretativo de Amália, se é que houve mais algum, gravou um álbum com esta coerência artística, esta elevação poética e este requinte musical, ainda para mais feito no auge das suas capacidades.
 
Foi o primeiro LP de Amália só com música de Alain Oulman e o tempo transformá-lo-ia no símbolo maior da revolução que fizeram na nossa música. É, desse prisma, o mais perfeito álbum que nos deixou a também mais moderna e inteligente dos cantores portugueses.
Em discos anteriores Amália tinha já ultrapassado convenções e barreiras artísticas, e tinha atingido cumes de perfeição musical, mas em nenhum, como em Com que Voz, se aliaram de forma assim lapidar duas características que tornaram a sua arte tão única: a vocalidade sem par, aliada à maneira muito original que tinha de dizer as palavras, e a genial acentuação que dava à própria frase musical.»

Texto de Frederico Santiago

cardapio.pt @ 14-11-2019 18:02:44


Clique aqui para ver mais sobre: Música