Querem desassossegar-nos!

Celebram-se os 125 anos do autor de Livro do Desassossego e a Casa Fernando Pessoa aglomera uma panóplia de críticos, investigadores, tradutores e criativos de diferentes países que evocaram neste escritor absoluto, inspiração e motivação para os seus itinerários artísticos.

cardapio.pt @ 18-11-2013 17:20:23

A perpetuidade de um literato desenvolve-se, através do diálogo, proactivo, dinâmico, interactivo e a Casa onde o poeta vivenciou os ilustres 15 anos consegue promover o convívio entre uma comunidade que vê, sente, absorve a obra de Fernando Pessoa.

O momento em que se sentirá a simbiose a este invejável artista, realizar-se-á nos dias 28, 29  e 30 de Novembro de 2013, no Teatro Aberto em Lisboa.

Teatro este que abraça os muitos e irreverentes dramaturgos de assinatura portuguesa e cujo espaço esclarece a mais minuciosa dúvida.

Este encontro promete ser socializador e estamos todos convidados.



INFORMAÇÕES


Local: Teatro Aberto

Datas: 28, 29 e 30 de Novembro de 2013

Preço: 

- Público geral: 50€
.- Estudantes e Professores: 25€
- Seniores (maiores de 65 anos): 25€

Pagamento: É efectuado no acto de inscrição, directamente na Casa Fernando Pessoa ou através de transferência bancária para a conta Millenium BCP nº 1280295411, da EGEAC, EM. 

NIB: 0033 0000 0128 0295 4117 7
IBAN: PT50 0033 0000 0128 0295 4117 7
Swift: BCOMPTPL


Inscrições online: até 22 de Novembro.

Inscrições na Casa Fernando Pessoa: até 27 de Novembro.

Inscrições por correioPreencha a ficha e envie para a Casa Fernando Pessoa aos cuidados de Ana Gomes, juntamente com um cheque emitido à ordem de EGEAC, EM.

Se tiver dúvidas, ligue (+351) 213 913 270.

Informações

Casa Fernando Pessoa

Telefone: (+351) 213 913 270 | E-mail: gabrielamaldonado@egeac.pt

Notas

A inscrição de estudantes e professores obriga à apresentação de comprovativo.

Não efectuamos devolução do valor das inscrições.

Casa Fernando Pessoa entregará um certificado de participação a todos os inscritos.



Programa do III Congresso Internacional Fernando Pessoa

III Congresso Internacional Fernando Pessoa

Data: 28, 29 e 30 de Novembro de 2013

Local: Teatro Aberto

Organização: Casa Fernando Pessoa


1º dia: 28 de Novembro

Manhã

9:30 – Recepção aos congressistas
10:00 – Sessão de abertura
10:30 – Conferência inaugural: Richard Zenith
Livro do Desassossego: o romance possível (var.: impossível)
11:15 – Pausa para café
11:30 | 12:30 – Painel: Tudo na vida é intervalo e passagem
José GilO tédio e o cansaço de existir
Maria Manuela Parreira: Cartas não mandadas (ou cartas para não mandar)
Patrick Quillier: O feminino em Fernando Pessoa
Moderação: Inês Fonseca Santos
12:30 – Debate
12:45 – Intervalo para almoço


Tarde

14:30 |15:30 – Painel: O perfeito não se manifesta

José Paulo Cavalcanti Filho: O perfeito não se manifesta
Steffen Dix: A localização do sensacionismo: o modernismo genuíno de Pessoa numa perspectiva histórica e filosófica
Maria Bochicchio: "Contra factos é que há argumentos": algumas questões de crítica textual em Álvaro de Campos.
Moderação: José Carlos Vasconcelos
15:30 – Debate
15:45 | 16:45 – Painel: Pois que importa inventar o que não presta?
Bernard McGuirk: Engenharia / bricolage. Naveg (N) ações ... Ils ont changé ma chanson
Orietta Abbati: A poesia de Ricardo Reis entre pedagogismo e desistência.
Antonio CardielloO homem deve poder ver a sua própria cara
Moderação: Patrícia Reis
16:45 – Debate
17:00- Pausa para café
17:15 – 18:15 – Painel: Agir, eis a inteligência verdadeira
Bartholomew Ryan: "Who's there?": a Repetição de Pessoa e a Crise do Sujeito
Maria de Lurdes Sampaio: Ler com ou ler contra – e tudo muda de figura
Fabrizio Boscaglia: Fernando Pessoa e a cultura Árabe-Islâmica: de Al-Cossar a Omar Khayyam
Moderação: Patrícia Reis
18:15 – Debate
18:30 – Apresentação do livro Os Objectos de Fernando Pessoa,
2º volume da colecção Acervo da Casa Fernando Pessoa
21:30 – Concerto de Mariano Deidda - Mensagem



2º dia: 29 de Novembro

Manhã

10:00 | 11:00 – Painel: Narrei-me à sombra e não me achei sentido
Eduardo Lourenço: Outra vez te revejo
Teresa Rita Lopes: O Desassossego Pessoano
Fernando Cabral Martins: O sujeito interseccionista
Moderação: Maria Manuel Viana
11:00 – Debate
11:15 – Pausa para café
11:30 | 12:30 - Painel: A arte é o aperfeiçoamento do mundo exterior
Jerónimo Pizarro: Todo Pessoa no Desassossego
Mariana de Castro: Sobre rios, romantismos e revisitações: Lisbon Revisited (1926)
Piero Ceccucci: Eu, "o privilegiado da janela". A poética do olhar da janela em Fernando Pessoa.
Moderação: Rui Lagartinho
12:30 – Debate 
12:45 – Intervalo para almoço


Tarde

14:30 | 15:30 – Painel: Sentir é criar
Thomas Cousineau: "Crianças, ainda tecendo auréolas germinantes": mãos ancestrais em Livro do Desassossego 
Lélia Parreira Duarte: Pintando a negatividade de Fernando Pessoa
Roberto Vecchi: Morfologia da sensação: Pessoa e os espaços brancos do aforismo
Moderação: Leonor Xavier
15:30 - Debate
15:45 | 16:45 – Painel: A literatura é a maneira mais agradável de esquecer a vida
Joana Matos Frias: Transfoma-se o espectador no próprio espectáculo: Bernardo Soares e o seu "espectáculo sem enredo"
Kenneth David Jackson: In•sci•ente (arcaico): A arte e a ciência do não-saber
Patricio Ferrari: Pseudónimos, heterónimos e outras figuras literárias
Moderação: Filipa Leal
16:45 – Debate
17:00 – Pausa para café
17:15 | 18:15 – Painel: Saúdo todos os que me lerem
Anna Klobucka: Fernando Pessoa activista queer: uma releitura do Antinous
Paulo Borges: Mistério trans-ontológico e transfiguração do mundo em Álvaro de Campos
Susan Brown: O Deus que dorme
Moderação: Rui Lagartinho
18:15 – Debate
21: 00 – Concerto: Universus Ensemble



3º dia: 30 de Novembro

Manhã

10:00 | 11:00 – Painel: A liberdade é a possibilidade do isolamento 
Fernando J. B. Martinho: A liberdade segundo Campos
José Barreto: O nacionalismo liberal de Fernando Pessoa
Zbigniew Kotowicz: Alberto Caeiro – meditações pré-socráticas
Moderação: Rui Lagartinho
11:00 – Debate
11:15 – Pausa para café
11:30 | 12:30 - Painel: De tanto ser, só tenho alma
Rinaldo Gama: Alberto Caeiro e a poética da negação
Brunello De Cusatis: O desassossego religioso de Fernando Pessoa
Celeste Malpique: A alma solitária de Fernando no Livro do Desassossego
Moderação: Maria Manuel Viana
12:30 – Debate 
12:45 – Intervalo para almoço



Tarde

14:30 | 15:30 – Painel: E hoje é já outro dia
António Feijó: O homem que era nada
Luiz Ruffato: Fernando Pessoa, o outro
Fernando Pinto do Amaral: Sair de si, cair no outro
Moderação: Filipa Leal
15:30 – Debate
15:45 | 16:45 – Painel: Só a arte é útil
Aldous Eveleigh: Desfile de Identidade
Mariano Deidda: A arte de musicar a poesia
Ana Luísa Amaral: Qualquer coisa de intermédio
Moderação: Inês Fonseca Santos
16:45 – Debate
17:00 – Pausa para café
18:00 – Entrega da Ordem do Desassossego
19:00 – Leitura d'Ultimatum
de Álvaro de Campos por Diogo Dória
19:40 – Encerramento

cardapio.pt @ 18-11-2013 17:20:23


Clique aqui para ver mais sobre: Notícias sobre Literatura e Livros